top of page

O CÁRCERE E A SUPERLOTAÇÃO NA AMÉRICA LATINA

12 países foram analisados pelo Grupo de Diários América, com o intuito de verificar as situações das penitenciárias da América Latina, o Brasil está entre os 3 países com a maior população carcerária do território, apenas Porto Rico não registra superlotação carcerária. Houve o aumento da população prisional em diversos países, como a Argentina. A precariedade de assistência aos presos faz parte do cotidiano das prisões dos locais analisados, também foi constatado que a maior parte dos presos não foram sentenciados. Dados sobre a situação carcerária da Venezuela e El Salvador apresentam dificuldades no que se refere à disponibilidade e fornecimento de números sobre a atual situação carcerária. A violência e o crime organizado não estão distantes dos presídios, nesse contexto, destaca-se o México, a violência é propiciada pelas situações precárias dos cárceres da América Latina.

Acompanhe essas notícias nas reportagens abaixo:



11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page