top of page

Condições precárias no tratamento prisional ocasionam protestos de parentes dos apenados

Ativistas realizaram protestos referentes a melhores condições de saúde, alimentação e higiene nas unidades prisionais de Brasília e São Paulo. Os manifestantes que também cobravam atitudes em relação à superlotação nas penitenciárias destacaram a arbitrariedade no tratamento dos apenados que vivem em condições precárias, apesar da SAP garantir um tratamento digno aos seus detentos. O movimento contou com a participação - por meio das redes sociais – de figuras públicas que expressaram o seu descontentamento com a situação prisional marcada pela punição.


12 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page