COM SINAIS DE PRECARIZAÇÃO, A PENITENCIÁRIA LEMOS BRITO (BA) É PALCO DE REBELIÃO

No dia 20 de fevereiro, a penitenciária Lemos Brito que se encontra em estado de superlotação e precariedade em sua estrutura, foi alvo de rebeliões motivadas por facções rivais que começaram uma briga no pavilhão 2 e se estendeu para os outros locais da penitenciária em que houve tentativas de fuga. Com cerca de 18 feridos e cinco mortos, foram apreendidas armas brancas e de fogo durante a operação realizada pela Polícia Militar do estado da Bahia. De acordo com a Secretária Estadual de Administração Penitenciária e Ressocialização, apesar das armas encontradas durante a operação, diversas revistas são realizadas nos presídios estaduais com o intuito de impedir a entrada de materiais ilegais na penitenciária.


Para mais informações, acesse o link da notícia: Rebelião termina com 5 mortos e 18 feridos em presídio em Salvador - 21/02/2022 - Cotidiano - Folha (uol.com.br)


4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo